Trai meu namorado com um colega de trabalho

Oie, Iza denovo, hoje vou contar como foi trair o corno do meu namorado com meu amigo do trabalho.

Era uma sexta, era aniversário da empresa e haviam planejado uma festa, era na cobertura de um prédio, bem no centro de são paulo, eu sou do rh mas tenho amizade com todos da empresa, cheguei na festa, cumprimentei o maximo de pessoas possiveis, mas era impossivel cumprimentar todos, e fiquei perto das minhas colegas de trabalho milena e lucia, ficamos la conversando e bebendo, e então a lucia disse .

Lucia: olha amiga, se quer ficar com alguém é bom dar em cima agora.
Eu: porque??
Milena: ta todo mundo bebado, se ficar com alguém agora, depois ninguém mais lembra.
Eu: rsrs não quero ficar com ninguém, aliás eu namoro esqueceram?
Lucia: e se fosse ficar com alguém com quem ficaria?
Milena: olha, eu ficaria com o Leandro, ele é gerente, bonito.
Lucia: mas ele é muito baixinho, eu ficaria com o João, ele é alto, forte, nossa só de pensar já fico assanhada rsrs. E vc iza?
Eu: gente eu não sei.
Mila: vai mulher é só falar.
Eu: o keven.
Mila: o keven?? O estágiario? Mas ele é tão novinho, 19 anos.
Lucia: mas a iza não é velha né? Tem 25…
Eu: ele é muito lindo, aqueles olhos escuros e, não é nem alto nem baixo, magro, só de pensar naquele corpo hmmm…
Mila: rsrs cuidado iza.

Nessa hora keven passou do nosso lado com um copo de whisky, e nos cumprimentou.
Keven: oi meninas.
Nós: oi keven.
Lucia: estávamos falando de vc não é iza?

Olhei pra cara da lucia como se quizesse enforca-lá

Keven: aé? E oque estavam falando?
Mila: a iza acha vc o cara mais atraente da empresa.
Keven: serio?
Eu: é keven mas cuidado que beleza não é tudo.
Keven: eu sei disso, e vc também é muito atraente.

Naquele momento ja percebi que havia um clima, ele logo saiu andando pra perto dos colegas dele.

Lucia: hmmm vc viu iza?
Mila: ta podendo em amiga..
Eu: ai ai gente rsrs.

Então começamos a dançar e enquanto eu dançava percebia que o keven ficavá me olhando de longe, nessa hr começou a tocar um funk, e resolvi provocar um pouco, afinal sei ser bem safadinha quando quero, cheguei bem perto dele mais ou menos 1 metro de distância, virei meu bumbum pra direção dele e comecei a rebolar, ele não parava de secar minha bunda, mas foi bem rápido pois não podia ficar fazendo aquilo na festa da empresa, então ja era meia noite, meu namorado me liga.

Lucas: oi iza, não vai voltar pra casa?
Eu: oi amor, jajá, está muito legal aqui.
Lucas: ta bem, eu vou dormir, quando chegar me acorda.
Eu: ta bom meu bem, te amo, xau…

Continuei lá conversando e dançando até que as 2 da madruga resolvi ir embora, me despedi do pessoa, e quando fui me despedir do keven, ele disse que iria descer comigo pois também estava indo embora, entramos no elevador.

Keven: está muito linda hoje.
Eu: obrigada. Vc tambén está.
Keven: vc rebola muito bem kk.
Eu: e vc tava me olhando seu safado rsrs.
Keven: não tinha como não olhar.

Então chegamos ao terreo.

Keven: iza, ja está tarde, não quer uma carona?
Iza: não, eu peço um uber, obrigada.
Keven: uber é caro, vem comigo.
Iza: ta bem.

Então caminhamos até o caro dele, ele tirou a camisa do trabalho, estava com uma regata branca, quando chegamos no carro dele, eu não aguentei e agarrei ele, começamos a nos beijar, ele se encostou no carro e começamos a nos pegar, ele passava a mão pela minha cintura, pegava na minha bunda, depois d eum longo beijo.

Eu: desculpa, mas não aguentei, eu estava louca por vc.
Keven: tudo bem, eu também estava.
Eu: bom porque a gente não entra no carro, pra mim te dar um negócio.

Entramos no carro, mandei ele colocar o pau pra fora e começar a dirigir, enquanto ele dirigia, eu pagava um boquete pra ele, mamava naquela rola gostosa como se não tivesse amanhã.

Então passamos na frente de um motel.

Eu: porque não passamos a noite nesse motel?
Keven: e seu namorado?
Eu: depois eu invento uma desculpa.

Então entramos no motel, eu já estava toda molhada e o pau dele estava mais duro que pedra, entao tiramos a roupa, eu estava com uma calcinha bem sexy, fiquei de calcinha enquanto chupava aquele pau, eu mamava ele enquanto ele pegava na minha bunda, pedi pra ele se deitar, comecei a mamar com mais vontade, fiz uma garganta profunda pra ele, aquele pau inteiro atolado na minha boca, comecei a me engasgar a minha saliva ja escoria pelas bolas, depois de tirar o pau da boca, estava com tanto tesão que puxei a calcinha pro lado e comecei a sentar naquele pau gostoso.

Eu: aaah, isso que delicia amor, aiiinnn hmmmmm.
Keven: ta gostoso vadia?
Eu: ta uma delicia, me xinga de vaida vaiiii, aaaah.
Keven: sua vadia gostosa, puta safada aaaah.

Ele pegava na minha bunda e fazia com que eu sentasse mais forte.

Eu: aah aaah aaaaaah, porra que gostoso, ai que pau delicioosoo caralhoooo hmmmm.
Keven: então senta no pau sua bunduda safada aaaaah.
Eu: me come de quatro vai gostoso.

Fiquei de quatro pra ele, ele enfiou aquele piroca na minha buceta.

Eu: isso amor, arromba meu rabo caralho, fode essa putinha de quatro hmmmmmm.

Nessa hora meu celular toca.

Eu mandei ele parar de fuder pra mim atender, era o Lucas.

Eu: ai meu Deus é o lucas.
Keven: atende ai, eu vou comendo de vagarzinho.

Eu: alô?
Lucas: vc n volta pra casa não?

Enquanto isso o keven agarrou minha bunda e metia bem gostoso e bem devagar. Eu morria de tesão sentindo aquela rola entra cm por cm na minha xota.

Eu: eu vou dormir na casa da lucia amor, está muito tarde pra mim voltar pra casa.
Lucas: como assim??? E vc só fala agora?
Eu: amor, está tarde, amanhã de manhã eu volto

Nessa hora o keven começou a enfiar o dedo no meu cu, eu estava quase gritandi de tanto tesão.

Lucas: vc é foda viu, me faz esperar até agora.
Eu: desculpa amor, esqueci de avisar, prometo que amanhã eu te compenso.
Lucas: olha depois a gente se fala xau.

Ele desligou.

Eu: corno filho da puta.
Keven: oque foi?
Eu: aquele chifrudo atrapalhando nossa foda, agora fode com forço vai gostoso, se me fizer gozar eu libero o cuzinho pra vc.
Keven: aé? Vai me dar esse cu safada?
Eu: vou depois que me arrombar todinha.

Ele agarrou minha cintura e me fodeu como nunca, nunca havia transado tão gostoso, gozei como uma puta naquela rola gostosa.

Eu: aaaah porra, to gozando, aaaaah aaaaah aaaaaaaaah.

Ele me deu um tapa na bunda.

Keven: então goza sua puta safada. Aaah

Eu: nossa gozei muito gostoso.
Keven: agora ganho cuzinho né?
Eu: ganha, vc merece, s me da uns minutinhos.

Fui ao banheiro fazer uma xuca, depois de deixar o cuinho bem lavadinho, cheirosinho e gostosinho voltei pro quarto, ele estava batendo punheta.

Eu: eiei pode parar com isso ai.
Keven: porque?
Eu: eu vou fazer isso dai, só que vou fazer com meu cuzinho.
Keven: hmmm então vem e me faz gozar com esse cuzinho.

Ele ficou deitado e eu encaixei eaquela rola no meu cu, fui sentando bem devagarzinho pra acostumar, quando entrou tudo fiquei um minuto parada e comecei a kikar com o cuzinho no pau, meu cu engolia aquele rola gostosa, enquanto ele me dava uns tapas na raba.

Kevin: aaah que cu gostoso caralho, aaah
Eu: ta gostoso meu cuzinho amor?
Kevin: ta uma delicia puta, vc gosta de me dar o cu?
Eu: eu amo, eu não dou mais o cu pro meu namorado agora nesse cu só entra sua pika.
Keven: então fica de quatro pra mim arrombar o cu.

Fiquei de quatro e empinei a bunda, ele penetrou no meu cu tão forte que quase me rasgou.

Eu: vai devagar amor, assim dói.
Keven: viu devargazinho quando puder foder vc fala.
Eu: pode fuder já amor.

Ele metia tão rapido e tão forte que meu cu ardia, eu gemia pois também estava louca pra ele encher meu cu de porra.

Eu: aaaah aaah uiiii que delicia pau no meu cu.
Keven: é vagabunda? Então toma.
Eu: me dá amor, eu quero pau no cu, eu quero leite no cu.
Keven: aaaah aaaaah viu gozar puta, aaaaaahaaaaah.
Eu: isso amor me dá porra no cu, me dá todo seu leite caralho, ai meu cu, ai meu cuzinho gostoso aaaaaaaaah aaaah uuuuuu aaaaah.

Sentia a rola pulsando dentro do meu rabo, sentia meu cu todo melado de porra.

depois dessa foda demos um beijo bem gostoso, e fomos dormir, transamos de manhã e depois ele me levou pra casa, fodemos outras vezes também, mas aí fica pra outro conto, beijos amores

1 comentário em “Trai meu namorado com um colega de trabalho”

  1. Ola sou louco para pegar um loirinha, deve ter a buceta branquinha, ou pegar uma novinha deve ser uma delicia, ou pegar mae e filha😬 tambem pegar uma casada na frente do marido eita, mulher q esta ai cheia de tesÃo me chama no zap 11947841246

    Responder

Deixe um comentário



conto erotico traicaodei pro meu cunhadocontos eroticos metrocontos eroticos familiacontos sexo reaiscontos eróticos gayscontos eróticos picantescontos eroticos veridicoscontos eroticos travesticontos eroticos infanciaconto wroticocontos eroticos a forçacomi minha prima contocasa dos contos ercontos eroticos viuvacontos eroticos de sexocontos eróticos tiaconto corno mansoestorias eroticascontos eróticos com animaiscontos eroticos encestoscontos eroticos lesbicoscontos eroticos com gravidascontos erotcontos de travestiscontos eróticos casa de swingcontos eroticos primascontos eroticos esposacontos eroticosconto erotico massagemconto cornocontos eroticos empregadacontos eroticos onibuscontos eroticos cornocontos sexycontos eróticos gaycontos eróticos analconto sexocontos cunhadacontos eroticos pai e filhocontos eroticos de travesticontos erótico gaysconto.eróticocontos eroticos lesbicasconto erotico primaúltimos contos gaycontos eroticos de primoscontos eróticos mãeconto erotico gostosocontos eroticos gravidacontos eroticos com travestisquero ser cornoincestos contosconto erotico gay ultimoscomi minha primaconto wroticocontos eroticos de gaycontos eroticos com novinhacontos porno gaycomi minha sograconto erotiincesto eroticocontos eroticos tiaincesto contoscontos eroticos novoscontos de sexo analcontos eroticconto erotcoultimo conto gaycontos pornôcontos eróticos papaicontos eroticos com travestiscontos eroticos madrastacontos de sexo com a empregadacontos eroticos corno mansocontos eroticos novinha safadaconto herotico gaycontos eróticos esposaconto roticoconto erotico no cinemawww contoeroticoconto eroticos reaiscontos eroticos siriricacontos eroticos com animais