Transando com um passageiro de Aplicativo

Olá pessoal, o meu nome é Fernando, tenho 34 anos, sou moreno 1,80, 80 kg, corpo normal, uso barba, poucos pelos no corpo, o meu pau tem 18cm reto, meio grosso e muito babão, sou louco por putaria em qualquer lugar,me considero versátil, pois gosto de pau e cu… Sou casado com Jorge, 40 anos, mas meio parado para putaria, isso me deixa muito louco.

Sou atualmente motorista de aplicativos, adoro a sensação de quem vai entrar no meu carro, fico muito louco quando vejo que é um homem, e mais ainda quando consigo ver que é um gay, ou aqueles bem macho, mas claro, não dou em cima só dou conversa e deixo a coisa rolar, gosto mais e de dirigir a noite, pois assim fico mais propício a isso acontecer.

Na noite passada por volta das 22hs, me chamou um passageiro por nome de Thiago, a nota dele era boa, então fui, não fui com segundas intenções, pois comi aquela noite seria mais um passageiro, quando cheguei no local do embarque, veio um cara branco de 1.78, uns 70 kg, de barba na cor castanho claro, com uma calça jeans toda rasgada e uma camiseta bem apertada.
Na hora já fiquei de pau duro, e louco para pegar aquela pessoa, fiquei gritando por dentro”vem no banco da frente “, mas ele entrou no banco de trás do carro, fiquei puto mas fazer o que.

Ele estava com fone de ouvido, mexendo no celular quase toda a viagem que era um pouco longa, sua perna vinha quase no meu braço pelo espaço dos bancos, eu olha para ele pelo retrovisor, em um sinal vermelho, eu estava olhando para ele e ele percebeu e me encarou, não tirei os olhos, até o sinal abrir.

Por alguns minutos ele parou de olhar no celular, engueu a cabeça e vi ali minha oportunidade de puxar papo, perguntei se estava fazendo o caminho correto, e se o ar condicionado está na temperatura boa, e ai ele me deu conversa.
Perguntei com o que ele trabalhava, e ele me falou de cabeleireiro, e que o dia tinha sido muito cansativo, e precisava relaxar.

Então joguei uma do tipo,
-Bom sexo depois de um dia de trabalho ajudar a relaxar…
Ele então falou séria ótimo, mas que na noite anterior tinha translado a noite toda.

Então eu falei
– Então já está bem relaxado?
Ele deu uma risada e falou.
– Vivo com tesão, não acaba nunca.
– Então vai resolver isso como? Perguntei só para ver o que ele iria dizer.
-Na mão. Ele espondeu.
– Bom faço isso todos os dias de manhã e a noite.
Ele se interessou, e perguntou.
-Já bateu uma hoje?
-Sim, mas já estou com vontade de bater outra.
Chegamos na casa dele, deixei ele no portão, mas louco para dizer “não vai”, mas dei o meu cartão para ele e falei, se precisar de uma ajuda só ligar.

Ele entrou no portão e ficou me olhando, fui na quadra de cima dei o balão e voltei, ele estava parado em uma árvore do lado da casa, passei bem lento e olhando para dentro, antes de chegar na esquina o meu telefone tocou, era ele, perguntando se eu estava afim de uns amassos, eu disse que sim, voltei ele já estava parado na frente do portão, ele entrou no carro já de pau duro, pois na mesma hora já meti a mão no seu pau e ele no meio.

Fomos para uma rua escura e sem movimento, tiramos totalmente as nossas roupas e começamos a nos amassar, como dois loucos por sexo, quando ele tirou o pau para fora e que pau, cabeça macia, não era muito grosso, mas era grande, deveria ter uns 20cm, mas muito bom e gostoso para chupar, mas na hora me deu mais vontade de sentar do que chupar, estava morrendo de tesão.

Meio sem jeito, deu uma arrumada no banco e sentei naquele pau, que foi penetrando lentamente no meu cu, sentia a volta da cabeça do pau dele entrando no meu cu, quando a cabeça estava funda e eu sentia suas bolas encostadas na minha bunda e o meu pau latejando como que se fosse explodir, comecei a cavalgar naquele pau gostoso, para cima e para baixo e aquele macho gemendo de tesão por baixo de mim, e o meu cu querendo sentir mais no fundo aquele pau cabeçudo e macio, a vontade era de que nunca acabace com aquilo, então ele começou a me masturba e logo ele anunciou o seu gozo, que sentia entrar no canal do meu cu, como um jato, acho que ninguém tinha gozado tanto no meu cu como ele gozou, sentindo toda essa porra no meu cu, eu não aguentei e gozei como nunca tinha gozado, me molhei todo e ainda escorreu para a barriga dele.
Não queria sair de cima daquelae pau, pois era muito gostoso e macio, sentia o pau dele latejar dentro do meu cu e ficando mole, tirei o pau dele do meu cu e comecei a chupar, sentindo o gosto da porra dele que estava lambuzando aquele pau, senti o pau dele endurecer de novo e ele começa a se retorcer de prazer, e por uns 15 minutos ele anuncia novamente o seu gozo, que porra gostosa salgandinha, quente que delícia, tomei tudo e ele pegou minha cabeça e começou a me beijar, me jogo no outro banco e tbm começou a me chupar, que não demorou muito gozei dentro da boca dele e novamente ele começou a me beijar com o gosto da minha porra misturado com a dele…

Nos vestimos e fomos até a casa dele, ele me beijo e entrou, e eu continuei a trabalhar, com o pau melado e o meu cu cheio de porra, que dava para sentir elas querendo sair, mas era muito boa a sensação…

Espero que tenham gostado, se gostarem vou escrever outros…

Não deu tempo de corrigir o texto…

2 comentários sobre “Transando com um passageiro de Aplicativo

Deixe um comentário

CAPTCHA



Online porn video at mobile phone


forum eroticotransei com meu filhocontos eróticos a forçacontos eroticos recentesconto encoxadacontos de sexo com novinhascontos eróticos atuaiscontos heroticocontos eroticos incertoscontos de incesto mae e filhocontos eroticos bem gostosonovos contos de incestocontos eroticos gay ultimoscontos gay recentesconto cornocontos eroticos mae e filhocontos de sexo com a empregadarelatos eróticoscontos eroticos incestuososcontos euroticosconto eroticosconto erotico 2018contos ercontos eroticos dpcontos eriticosconto erotico sograconto erotico incestocontos de sacanagensontos eroticosconto erotico esposacontos eroticos comi minha sogracontos esposacomendo a madrastahistorias de incestocontos glscontos.eroticoscoto eroticocontos de sexo eroticoscontos eroticos festacontos gays cnncontos eroticos vovoconto erotico encoxadaconto erótico no ônibuscontos de incestocontos eroicosconto erotico cunhadaconto erótico padrastohistorias de incestocontos perdendo a virgindadecontos eroticos escritoscdzinhascontos erotixoscontos eróticos irmãconto pornocontos eroticos pai e filhocontos eroticoscontos de travestiscontos eróticos curtoscontos eroticos incertoscontos cuzinhoconto eroticos reaiscontos eróticos recentesconto erotico coroacontos de safadezacontoseroticoscontos eróticos sobrinhaconto erotico faculdadecontos eroticos crossdresserconto/eroticocontos eroticos de cornoconto porncontos eróticos mãe e filhoconto eroticontos eroticos velhocontos eroticos.comcontos eroticos de casaiscontos sobrinhocontos eroticos meninarelatos eroticosmeus contos eróticoscontos pornôcontos eroticos proibidoscomi minha tia contos