Casado arrombado no estacionamento

Sou casado e tenho 42 anos e me chamo Júnior.

Quando tinha 15 anos, fui seduzido por um professor de 40 anos e acabei dando pra ele umas 5 vezes. Depois disso, tive poucas experiências, mas a vontade as vezes aparece.

Esta semana 19/10/18, tive de vir para SP a trabalho e estou em um hotel. Hoje dia 21/10/18, estava com muito tesão e não tinha nada pra fazer. Meu carro está em um estacionamento ao lado do hotel e fui mexer no carro, acabei conversando com o guarda um negro bonito, 55 anos, conversamos bastante e falamos besteira também. Com uma certa intimidade, acabei falando algumas coisas que o cara se tocou e me convidou pra ir aos fundos, meu coração acelerou na expectativa de que algo acontecesse.

Assim que chegamos numa área escondida e escura, ele se virou com o pau pra fora e disse: vem aqui chupar. Seu pau era lindo, uns 18 cm, bem grosso, cabeçona brilhando, cheio de veias. Não pensei duas vezes, me ajoelhei, segurei aquela beleza e comecei a chupar, mal cabia na boca e ele segurava minha nuca e conduzia o ritmo, sendo bem machão. Ele fodeu minha boca, eu babava e ele me xingava: isso putinha, chupa tudo. Depois de um tempo, ele me puxou pelo braço, me jogou no capô de um carro, mandou eu tirar a calça e assim fiz, ele veio por trás e meteu a língua na minha bunda, chupou meu cuzinho bem gostoso e me dedava. Não demorou pra eu sentir aquela rolona querendo me invadir, ele pincelava meu cú, me xingava, dizendo que seria a menina dele. Mandou eu apoiar no capô, arrebitar a bunda e senti seu pau querendo me abrir, confesso que sentia um pouco de dor pela grossura, algumas molhadas na cabeça, senti qdo me invadiu. Ele passou os braços pelas minhas axilas e segurou meus ombros, mandou eu empinar a bunda e foi enfiando, me xingando de putinha e vadia, socou inteirinho dentro, senti sua virilha encostar na minha bunda. Eu reclamando de dor, ele ficou uns minutos parado, me beijando a nuca e me acariciando. Alguns minutos depois, começou o movimento devagar, tirava quase todo e socada de novo.

Eu delirando de tesão, sentindo aquele pauzão me arrombando, aquele bafo quente e a respiração na minha nuca me excitava mais. Até que começou a socar com mais força, metia com vontade, dava socadas mais fortes me xingando, eu gemendo não aguentei e disse que ia gozar, ele pediu q eu gozasse em cima da camisinha e assim fiz, em seguida ele me virou brutalmente e enfiou de novo com a minha porra, foi maravilhoso e me deu mais tesão ainda. Acho q nele também, porque logo depois ele mandou eu me ajoelhar, tirou a camisinha e gozou na minha boca, fazendo eu engolir tudinho, deixei limpinho. Ele disse que adorou a menininha dele, nos vestimos e voltei para o hotel.

Pena que só aconteceu hoje, senão teria deixado ele me arrombar de quinta até hoje.

[email protected]

1 comentário sobre “Casado arrombado no estacionamento

  1. SOU CASADO com MULHER sou um COROA 60ão , escondido estou adorando ser VIADO , é uma tesão imensa todos os dias parece que estou sempre no cio , comecei a dar o CU em agosto de 2012 , DURANTE uns 3 anos me incriminava demais por estar sendo VIADO , pois sou casado e pai de família , lutei muito para parar com a minha viadagem mas não consegui , o tesão no cu falou mais alto e me dominou por completo . SOU LOUCO pela raça NEGRA , adoro um BELO KCETÃO PRETO , acho que por isso sou muito perseguido por NEGÃO , sempre acho um NEGÃO querendo me comer , durante esse tempo tive 2 NEGÃO como amantes , hoje estou acho que só , pois meu ATUAL NEGÃO PAUZUDO parece que deu uma sumida , moro em RIBEIRÃO PRETO SP estou louco de tesão no cu , procuro um NEGÃO PAUZUDO ou que seja MORENO mas que tenha um pau acima de 17 cm seja casado com mulher e que tenha 35 até 60 anos meu imail é [email protected]

Deixe um comentário

CAPTCHA



Online porn video at mobile phone


contoseroticos gayscontos eroticos massagemcrossdresser contoscontos eróticos femininoconto erotico cunhadacontos eróticos com animaiscontos eróticos safadoscontos de traicaoconto erótico de incestocontos eroticos de sograconto erotico gay heterocontos putariacontos eroticos travesticontos eroticos com gravidasconto erotico primocontos eroticos de incestoscontos eroticos lesbicascontos incestuososcontos eroticos cunhadocomtos eroticoscontos eroticos com pai e filhaconto cornocontos eroticos mae e filhorelatos de sexocontos eroricoscontos eroticos reaiscasa do conto eroticocontos eroticos transcontos eroticos sogracontos eroticos mulher do amigocomtos eróticoscontos eroticos a forçacontos eroticos traicaocontos eróticos lesbicocontos eroticos com novinhaconto corno mansocontos de sexo com a empregadacontoeróticoscontos eróticos pai e filhasex contoscontos eroticozconto sexocontos eroticos de encoxadasminha esposa nuacontos eróticos brcontos incesto mae e filhosexo anal contoscontos eróticos perdendo a virgindadeconti eroticocontos eróticos novinhaúltimos contos gaysconto erpticoquero ser cornocontos eroticos encoxadascontos eroticos praiacontos eroticos amigocontos eróticos de travestiscontos eroticos sogracontos eroticos vizinha novinhaesposa puta contoscontos eroticos cornocontos eroticos surubacontos gay eroticocontos corno mansocontos eroticos insestomeu primo me comeucontos porno de incestocontos eroticos gay incestocomi minha prima contovontade de dar o cucontos eroticos de traicaoprimeiro boqueteenteada gostosacontos erconto erotico primacontoerotico incestocontos de sexocontos.eroticoscontos xxxcontos eroticos veridicos